Home
 
Empresa
 
Banho e Tosa
 
Creche e Hotel
 
Veterinário
 
Galeria
 
Blog
 
Contato
Whatsapp
 
 
 
Home
Empresa
Banho e Tosa
Creche e Hotel
Veterinário
Galeria
Blog
Contato
ˆ
Pata rosa Pet Black White Pet Guarulhos

Limpeza de tártaro em cães

Conheça a Tartarectomia

Médico veterinário realizando a limpeza bucal canina

Para muita gente, o medo do dentista é real e não tem só a ver com aquele barulhinho terrível do famoso motorzinho. Tem a ver com a dor intensa e incômoda que um dente prejudicado pode causar, ou então que o tártaro, a periodontite e a gengivite podem trazer com os inúmeros riscos que oferecem à nossa saúde.

De qualquer forma, apenas através da odontologia que é possível tratar da nossa saúde bucal com segurança e confiança. Marcamos a consulta, compartilhamos com o dentista nossas queixas e ele descobre o que, afinal de contas, está acontecendo dentro da nossa boca e com os nossos dentes e gengivas.

Agora, pense na mesma situação acontecendo com os cães. Não tenha dúvidas de que a dor, o incômodo, o desespero e a aflição são os mesmos. É difícil comer, beber e até conseguir ânimo para algumas atividades práticas, como brincar, correr e latir.

Sabe onde efetivamente muda, se comparado com o ser humano? Na missão importante que o tutor do pet possui: recorrer ao médico veterinário, e valorizar bastante a boa manutenção da saúde bucal dos cães. Afinal, apenas escovar os dentinhos do peludinho pode não ajudar tanto quanto deveria, dependendo de como encontra-se o estado das partes relacionadas, claro.

O Tártaro Canino

Do mesmo modo que se desenvolve nos humanos, o tártaro canino surge graças ao somatório de restos de alimentos diversos consumidos pelos cães, que sem uma escovação regular acabam por formarem placas nos dentes onde bactérias começam a se desenvolver, formando colônias e se alimentando de toxinas que elas produzem entre si.

Com o tempo, a falta de cuidado e de eliminação das placas as tornam ainda maiores e mais rígidas, e aí sim temos o conhecido tártaro canino, identificado pelo tom amarelado que dá aos dentes do animal, mau hálito inconfundível e vermelhidão nas gengivas com presença ou não de secreções e pus.

Quanto mais bactérias aderindo ao dente, mais ele fica frágil e passível de quebra ou queda, fato que dificulta efetivamente a mastigação do cão e terá impacto direto na sua alimentação e pesagem. Além disso, o local afetado pelo tártaro canino é perfeito para a proliferação de contaminações ao organismo através do sangue, e que podem afetar gravemente rins, coração e o fígado do seu amado pet. Em suma: um panorama assustador para cão e tutor.

A Tartarectomia ou Remoção de Tártaro

Os humanos fazem e eles também: como solução mais adequada, efetiva e viável para remover totalmente o tártaro canino nos cães, o processo prático e simples de tartarectomia deve ser feito pelo médico veterinário - geralmente com a aplicação de anestesia para que o cão não interfira no processo mediante o uso de espátulas e ponteiras próprias para o método e, assim, sinta o mínimo de dor possível na extração.

E tão importante quanto a tartarectomia é a prevenção e manutenção do tratamento, onde a dobradinha de sucesso é a escovação e alimentação, pois ambas devem ser observadas e aplicadas de acordo com a necessidade do pet em ter sua saúde bucal preservada para que viva com tranquilidade e sem nenhuma dor ou incômodo.

Contudo, nunca abra mão de uma pré-avaliação com o veterinário, que levará sempre em consideração fatores particulares do animal antes de pontuar ou não a utilização de anestesia. Em cães idosos e com histórico de insuficiência respiratória, por exemplo, não costuma ser recomendável a utilização, já que implica em um risco que pode ser evitado.

E você sabia que na Black White Pet, a Tia Eloá, nossa veterinária, está sempre pronta para receber o seu cãozinho, fazer todas as análises necessárias para que a tartarectomia seja executada de forma segura e responsável e ajudar você nessa tarefa tão bonita de se doar para esses seres maravilhosos que só alegram a nossa casa e os nossos dias?

É ela também que vai orientar você sobre quais produtos usar no pós-tartarectomia, a frequência ideal para seu pet refazer o processo, a periodicidade com a qual o cão vai precisar escovar os dentinhos, que tipo de alimentação é a mais indicada e muitas outras questões pontuais e relevantes quando o assunto é tartarectomia e prevenção do tártaro.

Converse com ela, traga seu pet para uma avaliação bucal e entenda ainda mais a importância que um profissional de qualidade tem quando o assunto é a vida do seu melhor amigo de quatro patas e a sua vontade em aproveitar e cuidar bem de todo o tempo que vocês terão juntinhos um do outro para curtirem muitas aventuras e momentos especiais.

Cãobinado assim?

Antes da limpeza de tártaro

Imagem dos dentes de um cachorro antes da limpeza de tártaro

Depois da limpeza de tártaro

Imagem dos dentes de um cachorro depois da limpeza de tártaro

Nosso endereço

Rua Santa Izabel, 253 - Vila Augusta - Guarulhos/SP

Nossos telefones

(11) 2425-2935
(11) 4803-7000

Nosso AUtsapp

(11) 97101-4379


Compartilhe com seus amigos:


Home
Banho e Tosa
Creche e Hotel
Veterinário
Blog
Contato
Logo da Black White Pet

Black White Pet
Rua Santa Izabel, 253 - Vila Augusta - Guarulhos/SP
Fone: 4803-7000 / WhatsApp: 97101-4379
© 2017 | Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Linking Sites