Whatsapp
 
 
 
Home
Empresa
Banho e Tosa
Creche e Hotel
Veterinário
Galeria
Blog
Contato
ˆ
Pata rosa Pet Black White Pet Guarulhos

Quando dar a primeira vacina do cachorro?

Desde muito cedo seu cãozinho deve estar protegido dos riscos de pegar doenças e poder crescer saudável. Assim como para nós, tudo começa com a vacinação: você sabe quando deve dar a primeira vacina do cachorro?

Para que uma vacina faça realmente efeito, o sistema de defesas do cão já deve estar suficientemente maduro e apto para recebê-las. “Suficientemente” porque seu sistema imunológico atinge a maturidade apenas aos quatro meses, mas você não precisa esperar até lá para dar a primeira vacina do cachorro.

Primeira vacina do cachorro: filhote de cachorro deitado na sua caminha.

Um filhote de cachorro só deve receber sua primeira vacina quando estiver desmamado, pois enquanto estiver mamando é o leite materno, com seus vários nutrientes, que garante sua proteção.

Geralmente, o desmame acontece ao redor dos dois meses de vida e a primeira vacina costuma ser administrada entre um mês e meio de vida e os dois meses.

É fundamental que antes de iniciar a vacinação e até que as primeiras doses façam efeito, você cuide da proteção do pet, não o deixe sair na rua e nem entrar em contato com outros cachorros que não sejam os seus irmãos e progenitores.

Terminado o primeiro ciclo de vacinas, o que acontece aos três meses, conte mais uma semana extra para assegurar a sua eficácia e a partir daí seu amigo já estará protegido para se jogar no mundo!

Vermifugação de cachorros

Parasitas intestinais de cães representam riscos tanto para os bichinhos quanto para os humanos. Eles podem causar desde infecções intestinais, até a migração dos vermes para a pele, os olhos, coração, fígado, pulmões e sistema nervoso central, provocando sérios danos.

Se você pensa que seu filhote, que fica em casa e é bem cuidado, está longe disso, você se engana. Estudos revelam que são eles que abrigam a maioria desses parasitas e acabam contaminando facilmente o ambiente.

E as crianças, claro, acabam ficando mais vulneráveis, pois são elas que adoram deitar e rolar no chão com o bichinho, colocando frequentemente a mão na boca.

Assim, a imunização inicial do cachorro começa com a vermifugação entre a segunda e a terceira semanas de vida. O tratamento deve ser repetido a cada 2 semanas até a 8ª, podendo ser prolongado até a 12ª semana para eliminar infecções ou em locais de alta infestação ambiental.

Calendário de vacinação de cachorros

O calendário de vacinação de cachorros é muito importante, essa imunização protege seu pet de várias doenças, muitas delas consideradas zoonoses, ou seja, que podem ser transmitidas para os seres humanos. O que isso significa? Imunizar o pet traz saúde e segurança também para tutores e todos ao redor.

Até 45 dias, seu animal tem a imunidade herdada da mãe, por isso, é neste momento que ele deve tomar as vacinas polivalentes v8 ou v10, que protegem os cães de sete doenças: cinomose, hepatite infecciosa canina, parvovirose, leptospirose, adenovirose, coronavirose e parainfluenza canina.

Aos 2 meses, seu cãozinho deve tomar a vacina contra a tosse e, aos 4, a vacina antirrábica, contra a raiva. Durante esse calendário de vacinação há a repetição da dose de algumas delas, como as polivalentes v8 e v10, tosse e antirrábica. Fique sempre atento!

As vacinas que devem constar obrigatoriamente no calendário de vacinação do seu cachorro são as polivalentes e a vacina antirrábica, mas outras doses também são importantes, como é o caso das vacinas contra a leishmaniose e a giárdia.

Posso vacinar meu cachorro adulto?

Afinal, vacina é só para filhotes? Nem sempre! Se os prazos de vacinação foram perdidos pelos tutores ou se um cachorro adulto não tiver recebido as vacinas necessárias ele terá que se vacinar, mas neste caso o procedimento será um pouco diferente: ele receberá três doses das vacinas polivalentes v8 ou v10 e uma da antirrábica.

Primeira vacina do cachorro: cachorro adulto no veterinário.

Isso também acontece muitas vezes com cachorros adotados, por exemplo, pois não se sabe se já foram vacinados. A necessidade de tomar outros tipos de vacinas além dessas vai depender da região onde o animal vive e da recomendação do veterinário.

Dicas para a vacinação

Pode parecer óbvio, mas não custa nada lembrar que toda vacina deve ser aplicada por um médico veterinário, que é também o responsável pelo cronograma de vacinação do seu bichinho.

Apenas um especialista possui autoridade e conhecimento para definir o melhor para a saúde do seu animal sem oferecer riscos, como alergias e outras complicações.

É fundamental que a vacina seja aplicada em um local onde o cachorro se sinta confortável. Uma dica importante é que as vacinas sejam administradas pela manhã pois se houver qualquer reação, como às vezes também acontece conosco, temos o dia todo para poder observar.

Após a vacinação do cachorro, você pode notar uma mudança comportamental nas primeiras 24h, mas isso é normal, significa que o organismo está assimilando a vacina. Fique de olho e contate seu veterinário de confiança caso os sintomas persistam.

Controle de pulgas e carrapatos

Pulgas e carrapatos com certeza estão entre as principais preocupações dos tutores de pets. Se as pulgas podem provocar alergias, coceiras e feridas, o carrapato transmite doenças ainda mais graves, como a febre maculosa ou a doença do carrapato.

E mais: você, tutor, e toda sua família, poderão sofrer as consequências de ter essas pragas dentro de casa.

Neste caso, o importante é cuidar da prevenção. Escovação constante e banhos periódicos são as chaves para evitar esses problemas caninos. Ao escovar o animal, você o livra de pelos mortos, afastando bactérias, fungos e parasitas que gostam de ficar por aí.

Primeira vacina do cachorro: cachorro enrolado na toalha depois de um banho.

A frequência do banho e tosa varia de acordo com a pelagem e as condições climáticas, mas o mais importante é usar produtos adequados e secar bem o animal, evitando assim a proliferação de fungos e bactérias.

Comprimidos, coleiras e sprays servirão de grande ajuda na prevenção de parasitas. Consulte seu profissional de confiança para definir a melhor opção para o seu bichinho. Todo o cuidado com seu pet é importante para que ele tenha uma vida saudável. Por isso, antes de dar a primeira vacina do cachorro consulte um veterinário para que ele possa estabelecer o melhor calendário para seu bichinho.

Nós da Black White Pet disponibilizamos atendimento veterinário em Guarulhos, nossa sede. Venha conhecer!

Compartilhe com seus amigos:



Você também vai gostar destas matérias:

A Black White Pet também compartilha informações importantes para você cuidar do seu bichinho com todo o amor que ele merece. Leiam estas matérias e fiquem atentos para identificar rapidamente algum sintoma que o seu Pet possa ter.


Home
Banho e Tosa
Creche e Hotel
Veterinário
Blog
Contato
Logo da Black White Pet

Black White Pet
Rua Santa Izabel, 253 - Vila Augusta - Guarulhos/SP
Fone: 4803-7000 / WhatsApp: 97101-4379
© 2017 | Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Linking Sites